Dois Planetas Descobertos São Semelhantes à Terra

Ilustração de um artista mostra tamanhos relativos dos planetas em zona habitável de Kepler, da esquerda para a direita: Kepler-22b, Kepler-69c, Kepler 62e, Kepler-62f e a Terra (imagem real)

Ilustração de um artista mostra tamanhos relativos dos planetas em zona habitável de Kepler, da esquerda para a direita: Kepler-22b, Kepler-69c, Kepler 62e, Kepler-62f e a Terra (imagem real)

Astrónomos americanos anunciaram, esta quinta-feira, ter descoberto, através de um telescópio espacial da NASA, dois planetas semelhantes à Terra e onde pode existir vida.

Segundo declarações de cientistas da NASA (Administração Nacional da Aeronáutica e do Espaço) à revista Science, dois dos cinco planetas que orbitam numa estrela semelhante ao Sol chamada Kepler-62 são de zona habitável, nem muito quente nem muito frio e, possivelmente, com água.

Estes são os planetas que nós encontrámos mais parecidos com a Terra“, disse Justin Crepp, professor assistente de física na Universidade Notre Dame.

Os dois planetas são ligeiramente maiores do que o nosso, cada um deles com um raio de 1,41 e 1,61 vezes o raio da Terra. Os cientistas ainda não sabem informar se as suas superfícies são rochosas ou líquidas, ou se a sua atmosfera permite vida.

Contudo, o estudo indica que com a sua localização e tamanho “poderiam plausivelmente ser constituídos de compostos condensáveis e sólidos, tanto em terreno seco, numa super-Terra rochosa, como se for composto com uma quantidade significativa de água“.

Os planetas foram detetados quando a sua estrela escurecia à sua passagem, processo conhecido como “trânsito”.

Justin Crepp viu pela primeira vez um ponto próximo a Kepler-62 há cerca de um ano, e estudou os movimentos dos sistemas durante meses, para confirmar a descoberta. No final de 2011, a NASA confirmou pela primeira vez um planeta com uma zona habitável fora do nosso sistema solar, Kepler 22b, que gira em torno da sua estrela a cerca de 600 anos-luz de distância.

No entanto, o seu grande tamanho, 2,4 vezes superior à Terra, deixou algumas dúvidas sobre se o planeta é rochoso, gasoso ou líquido.  Kepler é a primeira missão da NASA à procura de planetas como a Terra que orbitem em sóis similares ao nosso.  Esta missão está equipada com a maior câmara enviada para o espaço, em busca de planetas semelhantes à Terra, incluindo estrelas, orbitando em zona quente, habitável e onde possa existir água na superfície do planeta…

Fonte: http://www.jn.pt/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s